quinta-feira, 21 de novembro de 2013

A aceitação vem com o tempo [...]

Hoje uma garota de cabelos extremamente lisos me disse que gostaria de ter os meus cabelos, enquanto brincava com meus cachos.
Olhei para ela e sorri. Houve um tempo em que faria qualquer coisa para ter os cabelos lisos. Alisamento era o item número um em minha lista de desejos.
Nasci com os cabelos cacheados – na verdade nasci careca, os cachos vieram conforme eu crescia –, e enquanto era uma criança não me importava com os padrões de beleza impostos pela sociedade, mas quanto mais eu assistia TV, lia revistas de moda e me aprofundava neste assunto, mais percebia que não me encaixava em tudo aquilo.
Meus cabelos não eram lisos, eu não era alta o bastante, não me sentia magra nem bonita e estava com apenas 13 anos. As reclamações então começaram.
“Meu cabelo é feio!”. “É muito volumoso!”. “Não gosto do meu cabelo!”. “Posso alisar mãe?”
Sempre as mesmas frases, o mesmo choramingo e a mesma pergunta: Posso alisar? A resposta também era sempre a mesma. Não.
Isso durou um tempo.
Não me lembro de quando parei de dar importância aos padrões de beleza, simplesmente aconteceu. Eu amadureci e me aceitei exatamente como eu sou.
Agradeço minha mãe todos os dias por não ter me ouvido nas inúmeras vezes em que quis desfazer do que hoje é o que me descreve.
E enquanto olhava para aquela garota que não estava satisfeita com seus cabelos, notei que ela era como um reflexo do que eu fui na fase em que não aceitava o que tinha.
Disse então que em algum momento de sua vida, ela não iria mais querer ter os cabelos iguais os meus e que iria aceitar seus longos fios lisos. E que quando esse momento chegasse, ela iria se sentir linda, satisfeita e inclusa nesses tão idiotas e desejados padrões de beleza.

4 comentários:

  1. Gata já vi muito uma frase assim: em terra de capinha cabelos enrolados é rainha....srrsrs
    Tb tenho já pensei muito em fazer algo mas sempre acabo desistindo, pois sei que sei lá parece que como se tirasse um pouco do eu realmente sou..r.srsrsrs. loucura né???


    passa lá assim que dé:

    http://analucianicolau.adv.br/index.php?Fuseaction=Noticias&NewsID=51

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cabelos fazem parte da nossa identidade não da pra mudar né ?
      haha ><

      Excluir
  2. Amei o texto e me identifiquei bastante! A pouco tempo também estava numa fase que odiava meu cabelo, queria mudar tudo em mim. Mas hoje em dia me sinto melhor e me aceito assim.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você se sente melhor, fico feliz :D
      Na verdade acho que a gente não precisa mudar sabe, só melhorar o que nós temos sem perder a nossa essência ><
      Beijo

      Excluir